Atenção!

Atenção!

♥ Girafa irritada ♥


Na savana africana
Vivi Gigi
uma girafa de porte altivo
e muito elegante
Um som estridente
um grito ensurdecedor
girafaaaaaaaaaaaa
Oh girafaaaaaaaaaaaa
Gigi se assusta
faz cara de poucos amigos
Era a leoa Leona
que veio bater um papinho
e grita mais uma vez
girafaaaaaaaaaaaa
E Gigi no auge da indignação responde:

                                                                   - Não grita Leona!

Sou pescoçuda mas...
não sou surda!!!
Quer conversar?
Fale educadamente
Se gritar mais uma vez
vai estourar meus tímpanos
Leona riu da irritação de Gigi
Como vou saber se está me escutando?
Você parece um poste
Está sempre com a cabeça nas nuvens
Gigi engoliu o ódio
Com um gingado atraente disse:
É bom viver nas nuvens
Lá eu não preciso ouvir
os seus gritos amiga xereta
E se foi... sem olhar para trás

♥ Vamos nos lambuzar? 2 ♥



Brinco, pulo, corro no parquinho,
 de repente,  o que surge lindo à minha frente? 
 Um algodão colorido, e ainda por cima, açucarado!
Ah! Como tudo, nem me importo  em ficar todo lambuzado!!

chica

♥Vamos nos lambuzar?.. ♥

daqui

Quem assim nunca se lambuzou?
Lamber a forma do bolo que a mamãe acabou de fazer?
Se nunca, pena pelo tempo que passou,
corre, espera, fica à espera  do próximo,
para o restinho rapidinho lamber!

chica

♥ SOPRAR ESTRELAS ♥



SOPRAR ESTRELAS

(Anne Lieri)


Não seria interessante soprar estrelas no céu?

Viajar até a lua num foguete de papel?

Estrelas então seriam como bolas de sabão,

Que sopradas vão ao vento, sem nenhuma intervenção!


Não é bom abrir um livro e ficar a imaginar

Os navios e seus piratas no oceano a navegar?

A semente que germina. Lentamente, cresce ao sol...

O pão feito bem quentinho no forno lá do quintal?


Será que é sonhar demais ser um simples passarinho?

Um feiticeiro, um poeta , uma bruxa na vassoura?

Colorida borboleta, caneta, pincel, tesoura...

Ou pular de galho em galho como alegre macaquinho?


Soprar estrelas seria uma grande brincadeira!

No mar da lua nadar,cantando só de bobeira...

E na Terra mergulhar no meio da plantação!

Ser criança, ser olhar, ser pura contradição!